Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BLOG DO MÁRIO

Neste blog eu posto de tudo um pouco, prezando sempre por assuntos que despertam interesse do leitor, evitando sempre assuntos polêmicos como política, religião e futebol. Boa leitura! Eu sei que você vai curtir.

BLOG DO MÁRIO

Neste blog eu posto de tudo um pouco, prezando sempre por assuntos que despertam interesse do leitor, evitando sempre assuntos polêmicos como política, religião e futebol. Boa leitura! Eu sei que você vai curtir.

04
Jun11

Estradas Fantásticas - Lyserbotn Road

Mário Sérgio Figueredo

Lyserbotn Road com o Fiorde de Lyserbotn

 

A geografia no Norte da Noruega, é bastante peculiar pela existência de grande quantidade de fiordes, que são golfos profundos e estreitos, de extensa penetraçao terra adentro, encontrado principalmente nos países escandinavos, banhados pelo Mar do Norte e Mar da Noruega.

 

Um desses fiordes, o que vamos falar aqui é o Fiorde Lysebotn que adentra ao território norueguês por 40 km, onde em seu ponto mais profundo existe um povoado que leva o mesmo nome do fiorde, local de construção da usina hidroelétrica de Tjodan, inaugurada em 1984.

 

As obras da usinas exigiram a construção de uma estrada para o envio dos materiais necessários à mesma e o escoamento das pedras geradas pela grande escavação. Então, no período de 1953 - 1964 a estrada foi construida ligando o alto da montanha até o nível do mar, o que representa um desnível de 950 metros. Até então o acesso ao vilarejo de Lyserbotn só era possível através da navegação pelas águas do fiorde, o que encarecia de sobremaneira o custo de vida local.

 

A construção da estrada de 30 km serra abaixo criou um acesso fácil ao lugar, que foi rapidamente descoberto pelos turistas que visitam aquele paraíso em números que chegam a 100.000 por ano, lembrando que pela proximidade com a calota polar Ártica, durante grande parte do ano a estrada fica coberta de neve, o que interrompe o tráfego nos meses de dezembro a abril. Além da inúmeras curvas, o ponto alto do passeio é a travessia do Túnel Lyse, que a exemplo da estrada é recheado de curvas internas.

 

Se você ainda não teve a oportunidade de ir lá pessoalmente, desça virtualmente a serra de moto no vídeo abaixo - são 8 minutos que valem a pena pois contempla inclusive a travessia do túnel Lyse.

 

Descendo a serra até Lyserbotn. atenção para o túnel

 

Localização geográfica.

 

 

Bem próximo ao ponto mais alto dessa estrada fica o caminho para o Púlpito de Rocha (preikestolen), que já falei em post anterior neste blog.

 

Relembre:  PREIKESTOLEN, o púlpito de rocha

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D